Directório União Europeia

Directório União Europeia

PRÉMIO REGIÃO EMPREENDEDORA EUROPEIA 2019

O Comité das Regiões, em parceria com a Comissão Europeia, lançou a 9.ª edição do Prémio da Região Empreendedora Europeia 2019 (EER) que tem como alvo principal as autoridades regionais e principais.
Às regiões que apresentem a estratégia mais convincente será atribuído o rótulo «Região empreendedora do ano». A estratégia regional a ser distinguida com o prémio será avaliada nos dois anos seguintes e os principais resultados serão partilhados e debatidos através da rede EER.
As apresentações de candidaturas podem ser feitas aé 17 de abril.

Para mais informações.
http://cor.europa.eu/en/takepart/eer/Pages/eer.aspx

Atualizado em 05-01-2018

Visitas: 123

PRÉMIO JACQUES DELORS - ENSAIO ACADÉMICO

O Centro de Informação Europeia Jacques Delors distingue anualmente um trabalho de investigação académica sobre a União Europeia.
Os destinatários são licenciados (individualmente ou em conjunto). A concurso podem ser submetidas dissertações de mestrado e teses de doutoramento que não tenham sido objeto de publicação, privilegiando-se, ainda, outras obras que incidam sobre temas atuais e inovadores da realidade europeia.
Os prémios são a edição da(s) obra(s) vencedora(s) e uma compensação pecuniária de 4000 EUR.
O prazo para apresentação de candidaturas termina a 15 de março.

Para mais informações:
http://www.eurocid.pt/pls/wsd/wsdwcot0.detalhe?p_cot_id=3020&p_est_id=7258

Atualizado em 05-01-2018

Visitas: 114

ISO 45001 tem publicação final prevista para março

A ISO 45001, sistema de gestão de saúde e segurança no trabalho – Requisitos com guia de utilização, ajudará as organizações a proporcionarem um ambiente de trabalho seguro e saudável para os seus trabalhadores e outras pessoas, prevenir mortes e ferimentos relacionados com o trabalho, além de melhorar continuamente a saúde ocupacional e o desempenho de segurança (OH&S).

A norma alcançou a última etapa do seu desenvolvimento – FDIS (Final Draft International Standard), o que significa que as partes interessadas podem mais uma vez enviar comentários sobre o rascunho antes da sua publicação final prevista para março de 2018.

As últimas estimativas da Organização Internacional do Trabalho (OIT) mostram que, a cada dia, mais de 7 600 pessoas morrem como resultado de atividades relacionadas com o trabalho (mais de 2,78 milhões por ano) e mais de 370 milhões de acidentes ocorrem no trabalho anualmente. O fardo para empregadores e empregados é imenso, resultando em perdas para a economia em geral, desde reformas antecipadas, ausência de colaboradores e aumento dos prémios de seguro.

Aplicável em todo o mundo e a todos os setores, a futura ISO 45001 destina-se a reduzir estes números terríveis. Será a primeira norma global deste tipo, dando às organizações um quadro universalmente aceite para melhorar a saúde e a segurança dos colaboradores, reduzindo os riscos no local de trabalho e criando condições de trabalho mais saudáveis ​​e seguras.

O futuro referencial seguirá os passos de outras normas de sistemas de gestão ISO, como a ISO 14001 e ISO 9001, adotando a estrutura de alto nível. Também terá em consideração outros padrões internacionais nesta área, incluindo a norma OHSAS 18001, diretrizes OIT-OSH, vários padrões nacionais e as normas e convenções internacionais do trabalho da OIT.

ISO 45001 está a ser desenvolvida pelo Comité ISO/PC 283, Sistemas de gestão de segurança e saúde ocupacional. O secretariado é atualmente detido pela BSI, membro da ISO para o Reino Unido. Qualquer pessoa interessada em comentar o FDIS pode fazê-lo através do membro ISO do seu país (no caso de Portugal, é o IPQ. Espanha é a AENOR e Brasil a ABNT).

Para saber mais sobre a ISO 45001 e qual o seu estágio de desenvolvimento, clique aqui.

https://www.apcergroup.com

Atualizado em 05-01-2018

Visitas: 137

CE atribui Selo de Excelência ao projeto U-SAFE do COMPETE 2020

A Comissão Europeia (CE) atribuiu o Selo de Excelência ao projeto U-SAFE apoiado pelo Programa Operacional COMPETE 2020.

Quando se acredita num objetivo, aposta-se forte na sua realização. Foi o que aconteceu na Noras Performance quando sonharam salvar vidas em segurança. Inovaram e a boia U-SAFE nasceu no âmbito de um projeto cofinanciado pelo Programa Operacional COMPETE 2020.

O PROJETO U-SAFE

A Noras Performance desenvolveu e patenteou a boia salva-vidas U-SAFE, um equipamento autopropulsionado e telecomandado que permite socorrer à distância, em qualquer condição de mar, com enorme rapidez e sem colocar em risco a vida do nadador-salvador.

Este equipamento, em forma de U para facilitar a navegação, apresenta uma performance extraordinária, uma vez que funciona em qualquer posição, estando ainda dotada de um sistema eletrónico próprio de navegação e orientação.

Segundo Jorge Noras, proprietário da empresa responsável pelo desenvolvimento deste produto, “a boia pode ser usada em qualquer tipo de praia, barco de recreio ou cruzeiro, e navios militares, podendo ainda ser lançada de aeronaves em operações de busca e salvamento”. E sublinha que este equipamento foi desenvolvido de acordo com os requisitos operacionais do Instituto de Socorros a Náufragos.

O SELO DE EXCELÊNCIA

O Selo de Excelência é um rótulo de qualidade que é outorgado a propostas de projetos apresentadas para financiamento ao abrigo do Programa Horizonte 2020, o Programa-Quadro da UE de Investigação e Inovação.

Podem recebê-lo os projetos que tiverem passado em todos os critérios rigorosos de seleção e atribuição da avaliação Horizonte 2020, mas que não puderam beneficiar de financiamento ao abrigo do orçamento disponível para o concurso.

O «selo» identifica propostas promissoras que merecem ser financiadas por fontes alternativas (públicas ou privadas), ou seja, fontes nacionais, regionais, europeias ou internacionais.

Num período de recursos limitados, importa que os investimentos em Investigação e Inovação tenham o máximo impacto na competitividade e no crescimento. Uma forma de o conseguir é criar sinergias entre o Horizonte 2020 e as outras fontes de financiamento, como sejam, por exemplo, os FEEI - Fundos Europeus Estruturais e de Investimento.

Trata-se de um mandato claro dado pelo Presidente Juncker aos comissários Carlos Moedas e Corina Creţu.

A Noras Performance foi distinguida por ter desenvolvido (e patenteado) a U-SAFE, uma boia autopropulsionada e controlada remotamente que permite salvar um náufrago sem pôr em risco a vida de quem salva.

Fonte: Compete 2020

Atualizado em 08-01-2018

Visitas: 128

Subcategorias

© Directório União Europeia 2013 | Site desenvolvido por Webtraços, Lda.

Top Desktop version